quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Calma tudo vai passar.....




Ela acordara cedo. Um certo pensamento insistia em sua mente. Olha se no espelho , seus cabelos ainda despenteado, seu rosto úmido de lágrimas mal secadas.Fitou-se e pensou: não há tempo para infelicidade. Tomou um banho, pensou em ser melhor, naquele dia tinha que ser.Um novo dia a aguardava... ela tinha sapatos, lindos vestidos, perfumes tudo bem colocado. Se sentia pouco pra o mundo...e sempre dizia baixinho pra si: hoje eu vou conseguir.Naquele dia colocou a mais bela roupa que tivera vesti-se de alegria e saiu pelo mesmo caminho.....pensando: calma tudo vai passar...o mundo está ao meu redor.
A menina sempre fora muito pensativa e caminhava a passos longos , não queria ser olhada e nem percebida pois havia dentro dela um sentimento a explodir.
Em seus pensamentos a rotina pairava , acorda, banho, café, trabalho..livros ela tinha muitos livros...Ela não conseguia mais sonhar..seus sonhos eram muito grande ao mesmo tempo passageiros não havia tempo de realiza-los..
Olhava ao mundo, todos... os dias uma historia , crianças brincando correndo alegremente em um vão e vem de meninices.....
Velhinhos cantando , dançando, sorrindo manobrando suas vidas com intensidade de viver e ela na atormenta de seu pensar. Mais um dia se fora...sapatos , vestidos, perfumes tudo no mesmo lugar, ela pensativa em seu quarto pensava em não sair dele mais numca..mais via um mundo inteiro a brilhar ao seu redor ela tinha que dá bola pra vida.. Uma oportunidade pra vida e pensara: a vida é muito... para ser desperdiçada..
E gritava em seu íntimo: calma tudo vai passar...

7 comentários:

Marcelo R. Rezende disse...

tudo passa, passa, e eu passarinho
já dizia o poeta
:D

lindo isso *-*

Srtª Elis° disse...

ahahah e nós passarinhos Marcelo...
xero a ti!
sr!

Brunno Leal disse...

Lindo, lindo, Elis!

Alexandre Fernandes disse...

Tudo passa. Até a maior das tensões. Até a pior das tempestades. Sempre volta aquele azul brilhante que se ostenta no céu, aquela luz afetuosa que parte do Sol.

Sempre passa. O que é bom sempre permanece.

Beijos

Adriano Ferreira, CM disse...

As coisas andam tão, sei lá, próximas de um desaparecimento. Tudo anda tão pálido, frágil. A gente mesmo anda assim. O que fazer? Crer que vai passar? Não sei. Escrevi mais ou menos sobre isso no meu último post. Tomei outra decisão. Mudar. Radicalmente. Vai dar certo? Não sei. To tentando.

abraço

Alice disse...

'não há tempo para infelicidade'

Realmente a vida tem que ser vivida e apreciada.

As dores sempre passam... e os vazio?
Ah... esses o tempo se encarrega de preeenche-los.

Beijos e sorrisos sempre!

Karine Melo disse...

É verdade... não importa qual seja a circunstancia, tudo nessa vida passa!

Adorei o texto!!

beijoss :*