quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Adoro-te


... Deixe Tua Saudade
Abraçar a Minha
Tua Boca Falar Para Minha
Poemas de Amor.
E Mesmo Que Faltem as
Palavras
Mesmo Que as Lágrimas
Nos Engasguem,
Deixe o Tempo da Distância
Fazer Justiça Em Nossa
Aproximação...
Foram Longos Dias,
Extensas Noites
Nós Separados Com a
Dor da Solidão.
Então
Agora Nessa Proximidade
Deixe Nossas Almas, Espíritos
e Carnes,
Saciarem Toda Vontade
a Necessidade
de Amor...

Psiu: Passando para agradecer o carinho que todos voces meus estimavés amigos blogueiros tem pelo meu blog.... e dizer aqueles que insistem em deixar comentarios nada elegantes aqui no meu blog que por favor não insista pois sou uma moça totalmente comprometida com o bom viver então "Sem Ninguém" se enforça no pé de melancia.... que tal....srsrs Só assim você não mais lerá meu blog... ....ok? Xerinhos a ti!

8 comentários:

Grafite disse...

Ahh obrigada querida...
bela montagem de palavras no seu post! Parabéns...

obs[Possuindo créditos, pode divulgar o texto sim. Procurei e nao achei ele por aqui...Qual seria?]

beeeijo querida...
*.*

Matheus disse...

Lis querida...

Com a sua benção, que me insentivou a muito tempo para criar um blog, com todo carinho do mundo, te agradeço por sua amizade e suas palavras, tão doce.
Seu blog é um dos meus favoritos.

Beijoss

Marcelo R. Rezende disse...

Nossa, eu super amei, adorei, vibrei com esse texto.
Sabe quando dá até vontade de dizê-lo em voz alta, pra sacar qual a musicalidade?
Nossa, demais *-*

Xero.

Evelyn Ceinwyn . disse...

''Deixe o Tempo da Distância
Fazer Justiça Em Nossa
Aproximação...''

Só o tempo pode definir os traços incertos de uma desaproximação, só o tempo traz as respostas-curativos que unem aquilo que ficou despedaçado, em algum lugar, em alguma esquina, dentro de nós.

Elis, eu me encantei com tua sensibilidade nos versos, fui lendo, lendo, e eu fui me apaixonando pelo amor que tuas palavras fazem nascer n'agente quando já me faço oca de sentimento algum.
Obrigado por despertar sensações que achei tê-las perdido.
Com certeza estou seguindo, e voltarei sempre !

Um beijo.

Alexandre Fernandes disse...

Que sensibilidade sem fim. A gente sente o ressoar das palavras ecoando por nossa pele. Porque a emoção se traduz em milhões de pedaços que interiorizam dentro de nosso coração.

É uma coisa linda, inestimável.

Que amor. Que intenso. Que tudo.

Beijos querida.
Se cuida viu.
Uma linda semana.

Tatiane Lemos disse...

ai menina tomara que todos os amores sejam assim, obrigado pela visita la no blog*

Beijos grandes*

E boa semana ehehe*

(marta silva) disse...

aaah q liiiindo texto. nossa. muito lindo mesmo. adorei.

(oh...sumi por conta do tcc..maaaas voltei :D)
beijinho

Marcio Nicolau disse...

Muito bacana o blog. Convido vc a conhecer o meu.

Marcio Nicolau
www.espacointertextual.blogspot.com