terça-feira, 27 de julho de 2010

APESAR-TE....



E fico aqui a imaginar-me tão distante de ti. a chorar a ausência de tua turbulenta presença. a ver tua felicidade passar e não encontrá-la em mim. a entorpecer-me com teu cheiro que persiste em não deixar-me. vejo-te cada vez mais fundo em minhas feridas. percebo-as sangrentas e ainda dolorosas em minh'alma. penso que esqueço-te fácil. até ouvir aquela doce canção. ela me faz lembrar você ou seria meu coração que só consegue te ver? talvez não saiba dizer. sei que anseio teu sorriso de novo ao meu se deliciar. sonho em teu colo repousar. sofro por ver-te não me amar. pediria aos céus para de novo me aproximar. nem que fosse para um último beijo. para o meu tormento se acalentar. e então eu estaria pronta. para de meu peito definitivamente lhe arrancar...

7 comentários:

Marcelo R. Rezende disse...

Nossa, que sofrido e lindo. Dá vontade de abraçar a coitada.
Amei.

Como diz você... Xero.

Gabriela Castro disse...

Dá pra sentir o coração escorrendo por entre as letras.
beijos

Alexandre Fernandes disse...

Tem uma profundidade que arranca de nós uma essência intensa. Porque nos conduz a sentimentos bem explorados e sentidos. Amor que se firma no peito. Mesmo que os caminhos estejam separados, a alma está entrelacada. Unida à essa beleza doce do amor.

Sofrer também tem essa aflição, porque nos aproxima e nos faz imaginar o dia em que podemos nos arrancar...

Que texto belo.

ps: Srta Elis, venho aqui docemente agradecer as belas palavras deixadas no meu blog. Eu fiquei encantado com o carinho. que bom que tenha gostado de lá e que o que escrevi tenha servido para algo. Volte sempre que puder. Seria uma honra pra mim ter a sua presença por lá. Eu gostei daqui também. Acho que volto. E a cada volta, trago mais amor.

Beijos.

Kamila Rodrigues disse...

ahhh Adorei teu blog
tô seguindo :D
bjins''

Srtª Elis° disse...

Marcelo:* então braça-me..sr!
GAbi...*(:
Ale: Sempre e muito bom te-lo aqui tb..as vezes e necessario destruir essa dor....

Beijos!

Flor de Lótus disse...

Oi,Srta Elis!Passando pra conhecer seu blog, nossa lendo seu texto quase pude sentir sua dor,pois é assim exatamente assim que eu me sinto se tivesse tentando escrever algo não sairia tão perfeito como vc escreveu.
Bjos

Flor de Lótus disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.