terça-feira, 6 de abril de 2010

Extensidades..um eco ao amor...!




Há momentos na vida em que sentimos tanto a falta de alguém que o que mais queremos é tirar essa pessoa de nossos sonhos e abraçá-la. "
[ Clarice Lispector ]


Naquela noite morri à míngua de excessos..
Era mais uma... nossa paixão louca e invencilíssima arrastando-nos um para o outro e vivendo seus pequenos delirios e decisões estabanadas em que só o amor pode ser um cumplice da historia.E eu me calo intensamente para apreender-me em teus braços onde minha boca crava em teu pescoço a mordida que há implícita em cada beijo teu.
São delirios...
E mesmo em torno dessa felicidade sentia uma tristeza...porque só pensava quão ruim seria perder aquele momento de extase e felicidade.
Mais as sensações passam.....
E so o calor fica..dos alvorazes sentimentos que delacerarão seus corpos naquela noite.
Estavamos vivendo as coisas mais importantes e evitando saidas fora de hora que poderiam terminar em feridas onde demoraria serem cicatrizadas.Dava-lhe vez ou outra um beijo secocom um olhar suado quando queria deixar ele invadir todo o seu corpo dando lhe sinais de quero mais.
Mais a noite era curta...
E com requintes de delicatezas iam se conquistando um ao outro
E ela sussurrundo dizia a ele:
Jamais esquecerei as suas incandescências
E esse amor que acendeu em mim algumas novas exuberâncias
E foi no seu abraço que eu encontrei o caminho mais perfeito do meu próximo passo.
Não deixarei que nada corrompa nossas essências, porque queremos muito mais que embelezar nossos universos, porque queremos ser muito mais além das aparências...
PSIU..: FOI PARA VC!!!

11 comentários:

Rosilene Santos disse...

Oi Elis!
Estou encantada com o seu blog! Belos textos, lindas imagens... tudo maravilhoso, parabéns! =)
Estou seguindo, tá?

E obrigada pelo comentário no meu blog... volte sempre! ^^

BeijO!

Ju Fuzetto disse...

A intensidade de suas palavras, a ternura e a doçura enfeitam nossa alma!!

Lindo teu canto, adorei!!

voltarei mais vezes!!

beijocas

sarah disse...

Nossa, que sensibilidade, quanto amor .
Me senti um pouco dentro desse texto.

Flor, de verdade obrigada pela visitinha la no meu canto !
aqui é lindo, adorei.

beijos!

Frederico Guimarães disse...

lindo de mais teus blog! e teus texos tb!
obrigado pela visita e por favor, volte sempre !

beijo grande!

Raquel de Carvalho disse...

Obrigada pela visita no meu blog!!!!!
Gostei muito do seu, sempre que puder, apareço por aqui!!!
Beijos.

Daniela Filipini disse...

É tão bonito amar assim, e tão doloroso. Toda falta parece fatal e toda presença é insdispensável... Tão bonito!
Adoro essa frase da Clarice!

P i i ♥ disse...

Obrigada por teres gostado (;
Volta sempre*

Maria Antonieta disse...

Muito lindo esse seu cantinho aqui tbem Elis!
bjoks!

C@urosa disse...

Olá minha querida Srtª Elis°, agradeço a sua gentil visita. Quantas pessoas queridas aparecem em meus sonhos...se eu pudesse abraçar todas elas, meu mundo seria mais feliz. Profundo e sensível seu texto.

Paz e harmonia e muito amor em sua vida,

forte abraço

C@urosa

Carol Morais disse...

Que Lindo! É comum que nós morramos, quase todos os dias, à míngua de excessos!
Lindo blog. Beijos

Srtª Elis° disse...

Ahhh.... sem palvras a todos vcs e sempre um prazer ..te-los aqui voltem sempre ..
Realmente essa e a melhor maneira..de expressar meus sentimentos.... eu gosto da pluralidade que na paixão há.... ela me vem e me faz isso...
e ainda existem pessoas que acreditam que tudo isso não e real... fazer o que né..sr!xerooo a todos!