sábado, 21 de junho de 2008

DONA MOCINHA


Vai menina, fecha os olhos. Solta os cabelos. Joga a vida. Como quem não tem o que perder. Como quem não aposta. Como quem brinca somente.

Vai,dona mocinha... esquece do mundo. Molha os pés na poça. Mergulha no que te dá vontade. Que a vida não espera por você. Abraça o que te faz sorrir. Sonha que é de graça.

Não espere dona moça..que as Promessas, vão e vem. Planos, se desfazem. Regras, você as dita. Palavras, o vento leva. Distância, só existe pra quem quer. Sonhos, se realizam, ou não...

Os olhos se fecham um dia, pra sempre. E o que importa você sabe, mocinha. É o quão isso te faz sorrir....

6 comentários:

Nadezhda disse...

Estou precisando fazer isso mesmo. ;)

Toninho Moura disse...

Viver é deixar acontecer.

''[G]ü[R]ÿ disse...

vai dona moça.. hehehe.. e deixa se levar pelas imprevisibilidades desta vida!

alohaaaaa

Andréia disse...

adorei!!

beijos fofa

Drêycka disse...

Não espere dona moça..que as Promessas, vão e vem. Planos, se desfazem. Regras, você as dita. Palavras, o vento leva. Distância, só existe pra quem quer. Sonhos, se realizam, ou não...


DEFINITIVAMENTE!!!!!!!!!!!!!

AMEI O POST.
BJUS.

Ariana disse...

Tanto que eu queria conseguir fazer isso!

Lindo texto!

Beijo